Páginas

sábado, 8 de janeiro de 2011

Mangueirão abandonado

É lamentável a situação em que se encontra o estádio Mangueiro. Por falta de manutenção, o nosso “colosso do Bengui” ficou entregue a própria sorte. Em visita ao maior estádio de futebol do Norte do Brasil, o novo secretário de esporte e lazer acompanhado por uma equipe de engenheiros e técnicos da UFPA identificou sérios problemas estruturais comprometendo a composição física para receber sua capacidade máxima de torcedores.

A situação piora quando a vistoria passa para o campo. A grama está alta e sem cuidados adequados, visto que existe apenas uma máquina aparadora. Além disso, as catracas eletrônicas estão destruídas; o tempo e o clima desgastou pilares, grades e portões. As arquibancadas apresentam grandes desníveis entre si, colocando em risco a segurança dos torcedores nesses pontos.

Segundo Said Xerfan, secretário da SEEL, a previsão de investimento para restauração do Mangueirão é de R$ 1,6 milhão só para recuperar os módulos estruturais. Mas, o valor definitivo será divulgado junto à conclusão do laudo técnico.

O Mangueiro que já serviu de "palco" para grande eventos esportivos hoje sofre com o abandono e descaso das autoridades juntamente com a decadência dos nossos maiores clubes de futebol, Remo e Paysandu, 

Um comentário:

João Victor Araripe disse...

MUITO BOM !

Tenho um blog de tênis com uma promoção valendo prêmios. Se puder colaborar, participe e concorra você também. É fácil e rápido !

breakpointbrasil.blogspot.com/
twitter : @breakpointbr

Obrigado :-)